P e d a ç o s
d e
m i m
de

t i
de

n ó s ....
Todas as fotos e desenhos são originais e pertença do autor

3 de jun de 2009

Lembras-te????


28/05/1986 D.C
18h30

Carissima Colega:
Já vai longe o tempo em que as horas neste escritório, pareciam ter 60 minutos, e em que a euforia de sexta feira não era tão evidente. Longe vai também a altura em que o zelo pelo trabalho era quase 100%.
Agora, as horas parecem ter crescido, e arrastam-se pesadas e monótonas ao longo de um tempo que parece parado.
O zelo; esse morreu e é já nesta altura um "cadáver" carcomido e esquecido nas profundezas recônditas da pouca lucidez que ainda nos resta.
Nada nos resta, pelo menos a curto prazo, a não ser navegar neste "corcel" de produtos quimicos que nos corroi o corpo e o espirito, qual ácido nitrico em contacto com o mármore, e de mármore somos nós, que temos que suportar com uma serenidade e coragem que não possuimos, mas que temos que possuir para podermos comer;vestir; enfim, viver.
Melhores dias virão certamente.
E quando as horas voltarem a ter 60 minutos, tudo parecerá melhor.

(carta descoberta numa gaveta na mesinha de cabeceira, escrita pela minha amiga e companheira de escritório naquele dia tão cinzento.)
Obrigado amiga por te ter conhecido.

1 comentários:

Babes disse...

Deste texto, concretamente, confesso que não me lembrava... Mas tenho ainda, no "caderno" da memória, no "separador" alegrias, tantas e tantas gargalhadas, tantas histórias inventadas, tantas conversas profundas...

Longe, tão longe, está esse tempo de leveza, sem o peso dos anos na bagagem...

E no entanto... É bom perceber que ainda somos capaz de gargalhar, inventar histórias e ter conversas profundas...

Há coisas que nunca mudam!!!


Meu beijo grande em Ti.