P e d a ç o s
d e
m i m
de

t i
de

n ó s ....
Todas as fotos e desenhos são originais e pertença do autor

18 de dez de 2009

Hummmm...não me convidaram a dar uma voltinha!!

2 de dez de 2009

13 de out de 2009


2 de out de 2009






1 de out de 2009

Sou um Rei


Sou o fantasma de um rei
Que sem cessar percorre
As salas de um palácio abandonado...
Minha história não sei...
Longe em mim, fumo de eu pensá-la, morre
A ideia de que tive algum passado...
Eu não sei o que sou.
Não sei se sou o sonho
Que alguém do outro mundo esteja tendo...
Creio talvez que estou
Sendo um perfil casual de rei tristonho
Numa história que um deus está relendo...

(Fernando Pessoa)












24 de jun de 2009

Quando nasci, O meu pai era um ser que ás vezes aparecia para aplaudir os meus últimos feitos. Quando ia crescendo, era uma figura que me ensinava a diferença entre o bem e o mal.
Durante a minha adolescência era a autoridade que punha limites aos meus desejos.
Agora que sou adulta, é o melhor conselheiro e amigo que tenho

23 de jun de 2009

Legado

O que é que deixaremos aos nossos filhos? Que é que fica para os nossos filhos, dos pais que tiveram?
O mais importante, sem dúvida, é as horas que lhes dedicámos, o tempo que partilhámos as nossas vidas com eles, contando-lhes coisas de família, ensinando-lhes velhas tradições, divertindo-nos e descansando com eles, ouvindo as suas preocupações e ajudando-os a resolver os seus conflitos pequenos e grandes.
Filhos são como âncoras que prendem as mães à vida!

18 de jun de 2009



"Passamos metade da vida à espera daqueles que amamos e a outra metade a deixar os que amamos."
Victor Marie Hugo
(Desenho do pai de 1957 )

75 Anos


Fez 75 anos e está na maior!!!
Este pato fez e continua a fazer as delicias de alguns admiradores, eu cá continuo fã dele...

(mais um desenho do papi)

12 de jun de 2009




9 de jun de 2009





Não tenho asas nem rabo

Não sou Anjo nem Diabo

Sou assim!

3 de jun de 2009

Lembras-te????


28/05/1986 D.C
18h30

Carissima Colega:
Já vai longe o tempo em que as horas neste escritório, pareciam ter 60 minutos, e em que a euforia de sexta feira não era tão evidente. Longe vai também a altura em que o zelo pelo trabalho era quase 100%.
Agora, as horas parecem ter crescido, e arrastam-se pesadas e monótonas ao longo de um tempo que parece parado.
O zelo; esse morreu e é já nesta altura um "cadáver" carcomido e esquecido nas profundezas recônditas da pouca lucidez que ainda nos resta.
Nada nos resta, pelo menos a curto prazo, a não ser navegar neste "corcel" de produtos quimicos que nos corroi o corpo e o espirito, qual ácido nitrico em contacto com o mármore, e de mármore somos nós, que temos que suportar com uma serenidade e coragem que não possuimos, mas que temos que possuir para podermos comer;vestir; enfim, viver.
Melhores dias virão certamente.
E quando as horas voltarem a ter 60 minutos, tudo parecerá melhor.

(carta descoberta numa gaveta na mesinha de cabeceira, escrita pela minha amiga e companheira de escritório naquele dia tão cinzento.)
Obrigado amiga por te ter conhecido.

2 de jun de 2009

Mais um desenho do pai


Os meus carros



Afinal é de familia!
O Mano também sabe fazer desenhos!








Espantalho


Estou espantada!
Não sei que idade eu tinha, talvez para aí uns 12 ou 13 anitos.

O sono dos justos!!





Haverá coisa mais relaxante do que ver um gato a dormir??

Piodão







Cavalo


Mais um desenho do Gugas

Jardim do Buçaco


Luso







29 de mai de 2009

Desenho original


Este desenho foi feito pelo meu pai, que por sinal tem muito jeitinho para o desenho, sempre teve, este desenho deve ter para aí uns 30 anos...